O SOM DO CORAÇÃO

O SOM DO CORAÇÃO
Não me mostrem o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração. Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra sempre." (Clarice Lispector)

PARCEIROS DO CORAÇÃO

sexta-feira, 30 de abril de 2010

GENEROSIDADE

                                   foto de um jornal Hindu
Só quem é pobre  procede com tamanha generosidade...
infelizmente o ser humano não é sempre assim.
Ah! o amor, ele não folga com injustiça,  ele é benigno. Ama por amor somente, generoso,
altruísta, e sobretudo  incondicional.
O amor é sensível as adversidades da vida.
DÁ ALGO  DE SI MESMO, QUANDO COMEÇA A REPARTIR DEPRESSA COMEÇA A RECEBER.
IT

quarta-feira, 28 de abril de 2010

LUA LUAR

Oh! luar, lua cadente, brilhante
A poesia, dedicar-te-ei somente.
E quando a noite chegar...
Já não és lua, minguante triste.
Lua nova brilhante no céu contente
Amar-te-ei sempre...
Como amas um sonhador
Sozinho, profundamente
Lua, Luar, no céu brilhante
Na incompletude dela, minguante
O amor da lua crescente satisfaz
No solo fértil de sua mente
Lua novamente, nova e audaz
O sonho alto do coração poente
Ao meu amor dedico esta canção
A lua crescente, semelhantemente, serei.
"Lua, luar amiga....diga a ele, que o meu amor é emoção...
Que não precisa entendê-lo.... no plano da razão"
IT

segunda-feira, 26 de abril de 2010

ESCREVER É ESQUECER


Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida. A música embala, as artes visuais animam, as artes vivas (como a dança e a arte de representar) entretêm. A primeira, porém, afasta-se da vida por fazer dela um sono; as segundas, contudo, não se afastam da vida - umas porque usam de fórmulas visíveis e portanto vitais, outras porque vivem da mesma vida humana. Não é o caso da literatura. Essa simula a vida. Um romance é uma história do que nunca foi e um drama é um romance dado sem narrativa. Um poema é a expressão de ideias ou de sentimentos em linguagem que ninguém emprega, pois que ninguém fala em verso.
Fernando Pessoa

Nota de IT: Escrever é confeccionar palavras, produzindo-as,selecionando-as de forma oportunas.As vezes, por vezes e, assim necessariamente, usadas para  fins de cada literatura reproduzida.Outro dia, li  palavras do sábio poeta  Pablo Neruda sobre  arte de escrever, ele dizia assim:


“Escrever é fácil.
Você começa com uma maiúscula 

e termina com um ponto final.
No meio, coloca idéias.”


sábado, 24 de abril de 2010

DEVER DE SONHAR


Eu tenho uma espécie de dever,
dever de sonhar, de sonhar sempre,
pois sendo mais do que
um espetáculo de mim mesmo,
eu tenho que ter o melhor espetáculo que posso.
E, assim, me construo a ouro e sedas, em salas
supostas, invento palco...
cenário para viver o meu sonho
entre luzes brandas e músicas invisíveis.
Fernando Pessoa

Sonhar com um beijo, sonhar com plenitude...
Sonhar que  está voando...
Sonhar que é uma borboleta ou, um beija flor.
sonhar com o amor.
Tão somente sonhar...
Flutuar, sonhar como sonha o poeta.
IT

quinta-feira, 22 de abril de 2010

TESOUROS


"Navegue, descubra tesouros, mas não os tire do fundo do mar, o lugar deles é lá.Admire a lua, sonhe com ela, mas não queira trazê-la para a terra.Curta o sol, se deixe acariciar por ele, mas lembre-se que o seu calor é para todos.Sonhe com as estrelas, apenas sonhe, elas só podem brilhar no céu.Não tente deter o vento, ele precisa correr por toda parte, ele tem pressa de chegar sabe-se lá onde.Não apare a chuva, ela quer cair e molhar muitos rostos, não pode molhar só o seu.As lágrimas? Não as seque, elas precisam correr na minha, na sua, em todas as faces.O sorriso! Esse você deve segurar, não deixe-o ir embora, agarre-o!
Quem você ama? Guarde dentro de um porta jóias, tranque, perca a chave!"
Fernando Pessoa


segunda-feira, 19 de abril de 2010

DOCE DESEJO



Meus olhos nos teus
Olha-me encanta-me
A boca nos lábios teus
Deseja-me  toca-me

Instantes, momentos de paixão
Loucuras de prazer ao chão
Doce desejo sano e insano
Sede vontade pura sedução

Loucuras arrepiam meu prazer
Te quero assim só pra mim
Êxtase intenso desejo e emoção

Quero tuas carícias em mim
Loucuras de amor  paixão sem fim
O amor já ultrapassa sem noção

O doce desejo do meu coração
Sozinho desejo em vão
IT 

sábado, 17 de abril de 2010

O AMOR E O PÁSSARO


Amar é ter um pássaro pousado no dedo.
Quem tem um pássaro pousado no dedo sabe que a qualquer momento ele pode voar. RUBEM ALVES
                    
Amar é permitir voar, deixar o pássaro alçar,
o mais alto vôo ao horizonte...
Se permitir aos mesmos horizontes.
O amor não determina condições, regras.
O amor simplesmente ama...
sente o desejo do desejado ir e vir...se não voltar!?
é porque, já não era mais...
seu,  meu, nosso.
(IT)

sexta-feira, 16 de abril de 2010

VALIOSO TEMPO

Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos.
Quero a essência, minha alma tem pressa...

Sem muitas jabuticabas na bacia,
quero viver ao lado de gente humana,
muito humana, que sabe rir de seus tropeços
e não se encanta com seus triunfos,
não se considera eleita antes da hora
não foge de sua mortalidade.

O essencial faz a vida valer a pena...
E para mim basta o essêncial!"


Nota:Não se sabe o autor desse texto, há controversias!

quinta-feira, 15 de abril de 2010

SILÊNCIO E PALAVRAS






  "POIS, O SILÊNCIO NÃO TEM FISIONOMIA...


                            

    MAS, AS PALAVRAS, TEM MUITAS FACES.
                                               Machado de Assis              



  VÁRIAS....

                                        

   É NESSA DUALIDADE HUMANA
   QUE TENTO COMPREENDER...
   SILÊNCIO E PALAVRAS.
   (IT)                                                                                        
            

quarta-feira, 14 de abril de 2010

PERTO OU LONGE


Eu amo você...
Perto ou longe
Eu amo você...
Feliz ou triste
Amo sua voz calada  
Também sua voz, poeta
Amo inteiramente sua inspiração poética
Amar-te-ei sempre! Homem poeta.

Ainda que não o vejo
Amo sua expressão corporal.
Ainda que não o escuto,
Amo sua expressão verbal.
Eu amo você!
De um jeito ou de outro...
Eu, simplesmente...TE AMO!.
(IT)

segunda-feira, 12 de abril de 2010

DEUS EXISTE

Deus existe?!

Profº- Eu vou provar pra vocês...
que se Deus existe, então ele é mal.
Deus criou tudo que existe?
Se Deus criou tudo, então ele criou o mal.
O que significa que Deus é mal.

Aluno-com licença, professor...
O frio existe?
Profº-Que tipo de pergunta é essa?
Claro que existe. Você nunca ficou com frio?
Aluno-Na verdade senhor, o frio não existe.
De acordo com as leis da física,o que nós consideramos frio,
é na realidade a ausência de calor.
E a escuridão profº, existe?
Profº-Claro que existe.
Aluno- Você está errado senhor.
A escuridão também não existe.
A escuridão é na realidade a ausência da luz.
A luz nós podemos estudar, não a escuridão
O mal não existe!...
É a mesma coisa da escuridão e do frio.
Deus não criou o mal.
O mal é resultado de tudo que acontece...
Quando o homem não tem o amor de Deus....
Presente em teu coração.

"Comercial na Macedônia
 Deus existe Albert Einstein".

 Eu, não tenho nenhuma dúvida
 da existência de Deus.
 E você, tem?
 (IT)

domingo, 11 de abril de 2010

QUE PRESENTE TE DAR

Te darei flores. Sempre planejei fazer isto: de manhã acordar displicente e começar a colher flores sob a cama. Ir tirando buquês de rosas, margaridas, vasos de íris, orquídeas que estão desabrochando, e de flores ir te cumulando. E amanhecendo dirás: o amado hoje está mel puro, seu amor aflorou e está me perfumando.
Escrever bilhetes pela casa inteira, metê-los entre roupas, armários, prateleiras, recados daquele que nunca se ausentou, embora esse ar de quem vive partindo, mas se alguma vez partiu, partido foi para reunido regressar.
Te dar um gesto simples. Passar a mão de repente sobre sua mão, como se apalpa a vida ou o fruto que pode ser colhido.
Te dar um olhar, não aquele ar distraído, de quem está de costas perdido, mas um olhar de quem chegou inteiro e se entrega enternecido e desamparado dizendo: olha, sou teu, agora veja lá o que vai fazer comigo.
(Afonso Romano)

sexta-feira, 9 de abril de 2010

SOTAQUE DAS MINEIRAS


O sotaque das mineiras deveria ser ilegal, 
imoral ou  engordar
Porque, se tudo que é bom tem um desses horríveis
efeitos colaterais,como é que o falar,
 sensual e lindo ficou de fora?
Porque, Deus, que sotaque!
Mineira devia nascer com tarja preta avisando:
ouvi-la faz mal à saúde.
Se uma mineira, falando mansinho, 
me pedir para
assinar um contrato doando
tudo que tenho, sou capaz de perguntar: só isso?
Assino achando que ela me faz um favor.

Faz sentido...
Mineiras não usam o famosíssimo tudo bem.
Sempre que duas mineiras se encontram, uma delas
há de perguntar pra outra:"cê tá boa?"
Para mim, isso é pleonasmo. Perguntar para uma
mineira se ela tá boa é desnecessário.
Esse "aqui" é outro que só tem aqui.
É antecedente obrigatório, sob pena de punição pública,
de qualquer frase. É mais usada, no entanto, quando você quer falar
e não estão lhe dando muita atenção:
 é uma forma de dizer, 
"olá,me escutem, por favor". 
É a última instância antes de jogar um pão de queijo
na cabeça do interlocutor.

No supermercado, não faz muitas compras, 
ele compra "um tanto de côsa".
Se a fila do caixa não anda, é porque está "agarrando"
 [aliás,"garrando"] lá na frente. Entendeu? Agarrar é agarrar, ora!

Não vem caçar confusão pro meu lado.
Porque, devo dizer, mineiro não arruma briga,
 mineiro "caça confusão".
Se você quiser dizer que tal sujeito é arruaceiro, 
é melhor falar, para se fazer entendido, que ele
 "vive caçando confusão".
Para uma mineira falar do meu desempenho sexual,
ou dizer que algo é muitíssimo bom vai dizer: 
"Ô, é sem noção".
Entendeu, leitora? É sem noção! Você não tem,
 leitora, idéia do "tanto de bom" que é.
Só não esqueça, por favor, o "Ô" no começo,
porque sem ele não dá para dar
noção do tanto que algo é sem noção, entendeu?

Capaz... Se você propõe algo e ela diz: capaz!!!
Vocês já ouviram esse "capaz"? É lindo.
Quer dizer o quê? Sei lá, quer dizer
"ce acha que eu faço isso"? com algumas
toneladas de ironia...
Se você ameaçar casar com a Gisele Bundchen,
ela dirá: "Ô dó dôcê".
Entendeu? Não? Deixa para lá.
A propósito, um mineiro não pergunta: "você não vai?".
A pergunta, mineiramente falando, seria:
"cê não anima de ir"?
Tão simples. O resto do Brasil complica tudo.

É, ué, cês dão umas volta pra falar os trem...
Falando em "ei...".
As mineiras falam assim, usando, curiosamente,
o "ei" no lugar do "oi".
Você liga, e elas atendem lindamente: "eiiii!!!",
com muitos pontos de
exclamação, a depender da saudade...
Tem tantos outros...
A fórmula mineira é sintética. E diz tudo.
Até o "tchau" em Minas é personalizado.
Ninguém diz tchau pura e simplesmente.
Aqui se diz: "tchau procê", "tchau procês".
É útil deixar claro o destinatário do tchau.
Então..."
Um abraço bem apertado procê
(Felipe Peixoto Braga Neto)

Como uma boa mineira que sou, deixo aqui
 o meu BJIM PROCÊ UAI! rs.
(IT)

quinta-feira, 8 de abril de 2010

terça-feira, 6 de abril de 2010

REFLEXIVO



O que não escrevi, calou-me
O que não fiz, partiu-me.
O que não senti, doeu-se.
O que não vivi, morreu-se.
O que adiei, adeus-se.

(Affonso Romano Sant"Anna)


Outrora, não escrevi palavras caladas.
Não sonhei bem alto, a um passo, pra levantar vôo...
Deveria sentido mais o orvalho da primavera até o fim do outono.
Viveria mais instantes, mais amanheceres....
Adiaria minha imperfeição....
Não tentaria ser tão perfeita! relaxaria mais.
Na verdade bem poucas coisas levaria a sério.
Seria mais densa,doce,mais presente na forma de amar.
Eu (IT)

segunda-feira, 5 de abril de 2010

SENSIBILIDADE



"As vezes você perde vários poemas, sente uma frase, sente algo murmurado no seu espírito e não presta atenção porque está ocupado com os ruídos da vida. É necessário apurar o ouvido, ter a humildade de anotar,mesmo qdo não é muito boa a coisa. Pode de repente, um texto meio nebuloso, meio esquisito,meio simplório demais dar raiz a um poema,  posteriormente interessante"
Afonso Romano

AMAR COMO AMA O AMOR

Vou fazer alguma coisa para alguém
sem esperar nada em troca,
apenas pelo prazer de ver alguém feliz.
Vou lembrar de ler uma poesia e ouvir uma canção.
Vou amar como ama o amor....
Darei um pouco de alegria  especialmente para
aqueles que sentirem a tristeza e desânimo se aproximar.

Não vou pensar no que gostaria de ter,
mas em como posso ser feliz com o que possuo.
E o maior bem que possuo é a  própria vida
Vou amar como ama o amor.
E quando a noite de minha vida chegar
vou olhar o céu, as estrelas e a lua
e agradecer a Deus porque hoje....
Eu fui feliz.
IT.

domingo, 4 de abril de 2010

QUANDO A GENTE AMA

FAÇA UM DIA DE DOMINGO


Façam tardes as manhãs
Façam artes os artistas
Faça parte da maçã
A condenação prevista
Façam chuvas as manhãs
Façam danças as coristas
Façam votos que esta corda
Não sabote o equilibrista

Façam Beatles "For No One"
Faça o povo a justiça
Faça amor o tempo todo
Que amor não desperdiça
Faça votos pra alegria
Faça com que todo dia
Seja um dia de domingo

Façam tardes as manhãs
Façam artes os artistas
Faça parte da maçã
A condenação prevista

Façam Beatles "For No One"
Faça o povo a justiça
Faça amor o tempo todo
Que amor não desperdiça
Faça votos pra alegria
Faça com que todo dia
Seja um dia de domingo

Poeta, cantor, compositor  Osvaldo Montenegro, grande trovador moderno da MPB.
Um homem como menino, que não dorme sem declamar! um apaixonado pela vida e o amor.
IT.

quinta-feira, 1 de abril de 2010

DAS CINZAS CLAMA


És um escolhido, sua história  
não acaba aqui,vai viver!  
porque nasceu para vencer.
Nunca vi, um escolhido 
que ama sem resposta,
Das cinzas ele clama, 
chama, implora.
Pode até chorar, 
amanhã irá sorrir.
O sol da justiça raiará 
em sua vida...
iluminará seu caminho
 e te fará sorrir.
Sozinho, não mais ficará, 
forças terá.
A angústia vai passar, 
o pávio ainda fumega.
Mesmo estando no 
profundo do poço....
Submergirá até ao chão,
não te deixo não.
Das cinzas,chama, clama 
e ama.
IT